Sexta-Feira, 08 de Março de 2019 às 15:59

Violência contra a mulher aumentou segundo Delegada responsável pela DDM Jales

A Delegacia de Defesa da Mulher é responsável pela investigação dos crimes cometidos contra elas.

thumbnail

Os noticiários têm mostrado casos de violência contra as mulheres cada vez mais graves, a repercussão tem sido ainda maior com a brutalidade destas ações. Estatísticas divulgadas recentemente demonstram a proporção destes crimes no país que assustam pela alta quantidade.    

Para entender melhor a formação desses números e conhecer a realidade da defesa da mulher em nossa região o Jornal do Povo da Rádio Assunção FM, no Dia Internacional da Mulher conversou com a delegada titular da Delegacia de Defesa da Mulher de Jales, Dra. Maria Letícia Negrelli, que detalhou sobre o assunto bem como os crimes ocorridos por aqui: “em Jales felizmente nós não temos um fato até o momento, de feminicídio, em 2019, tivemos um no ano passado, esse ano graças a Deus nós não temos, mas os números de registros policiais de violência contra a mulher vêm sim aumentando” afirmou.

Todos os casos de crimes contra a mulher são apurados pela Delegacia de Defesa da Mulher, não só violência doméstica, outros crimes contra a mulher fora do âmbito doméstico, existindo um número maior de registros de agressões físicas e ameaças com ofensas.

Além disso, Dra. Maria Letícia lembrou que: “a lei diz que violência contra a mulher é física, verbal, constrangimento, ameaça e perseguição, todo o tipo de violência psicológica é tida como um crime”. Quando destacou o crescimento dos crimes nas redes: “existem os crimes que são cometidos por meio virtual e vêm crescendo muito, o que é natural hoje, os meios de comunicação e o acesso a internet, com o telefone todos estão nas redes sociais e por esse vem acontecendo muitos crimes, sempre que converso com mulheres em palestras falo para que tomem cuidado com fotos e vídeos que enviam, às vezes a pessoa são de sua confiança, mas com o fim do relacionamento podem vazar este conteúdo, mesmo que o responsável seja penalizado, o dano moral é muito grande”, enfatizou.  

Na oportunidade Dra. Maria Letícia Negrelli deixou sua mensagem para as mulheres: “primeiro parabenizo á todas as mulheres que possamos comemorar esse dia, mas também refletir, como eu sempre falo a luta inda é muito intensa, temos muito o que conquistar, que a gente coloque na cabeça que somos capazes, somos fortes, podemos ser o que quisermos e chegar onde quisermos, que Deus nos abençoe sempre” finalizou. 

Mais informações de Jales e Região você confere em www.radioassuncao.com.br

Ouça a entrevista

imagem

Jales - AGRITEC 2019 será realizado em abril reunindo empresas, produtores e alunos

thumbnail

Os envolvidos poderão participar de exposições de tecnologias e demonstrações de equipamentos por parte das empresas parceiras.

Eleitores que deixaram de votar nas três últimas eleições devem comparecer ao Cartório Eleitoral

thumbnail

Relação com nomes de eleitores que podem ter títulos cancelados está disponível na sede do Cartório Eleitoral para conhecimento dos interessados