columnist

Editorial da Semana

Editorial da Semana - Diocese de Jales

Sexta-Feira, 28 de Agosto de 2020 às 07:27

UM AGOSTO NA HISTÓRIA

Diego Dovidio dos Santos, 2º ano de Filosofia EAD Claretiano - Polo Jales

thumbnail

Encerrando o mês de agosto de dois mil e vinte, muitos são os motivos que ficarão para sempre em nossas memórias e em nossa história. Celebramos alegremente nesse mês vocacional os sessenta anos de nossa Diocese de Jales marcado por diversos acontecimentos diocesanos.

 

Celebrar o Jubileu é revisitar o passado, valorizando tudo o que aqui foi construído com um olhar pioneiro e sempre confiante na graça de Deus. Com a história aprendemos o tanto que Deus age por meio das pessoas e da Igreja que Ele confia. Esse “celebrar” deve ser vivido como um impulsionar na fé, a fim de que possamos continuar “Crescendo em Direção a Cristo.”

 

A celebração do Jubileu é um ato bíblico. Nas Sagradas Escrituras podemos encontrar algumas passagens que reforçam este acontecimento. O ano jubilar é um ano de ação de graças, um tempo de valorização da vida humana que é preciosa. Um ano celebrativo da aliança entre Deus e o povo, um ano da vivência da misericórdia.

 

Sentimo-nos, enquanto cristãos, agraciados por pertencer a essa Diocese, que com as diversidades e características particulares, faz o Evangelho de Cristo acontecer nessas terras do Noroeste Paulista, um local distante da capital do estado, porém bem perto do coração do Criador e de Maria, nossa intercessora no céu.

 

O Papa Francisco nos pede que sejamos uma Igreja em saída, que vai além dos muros, e que possui como protagonista da obra de Deus, os cristãos leigos. Nossa Diocese sempre valorizou e continuará valorizando a presença daqueles que se doam a serviço dos irmãos e do Reino de Deus, por meio das paróquias e comunidades. Os fiéis formam uma verdadeira rede de comunidades, são colaboradores da obra de Deus e fazem com que esse reino aconteça aqui e agora.

 

A valorização dos cristãos leigos é fundamental para o desenvolvimento e ação pastoral da nossa Diocese. Partindo da realidade local, a Igreja se faz presente no atendimento dos mais necessitados, seja de bens materiais ou de acompanhamento espiritual para crescer na fé. Dom José Moura, arcebispo de Montes Claros – MG, faz referência aos leigos e leigas dizendo: “Sua vocação no seguimento a Cristo é a de mostrar e implantar o reino na prática de servir e não o de se servir dos outros para se engrandecer.”

 

Assim, a nossa vocação diocesana se solidifica no serviço ao povo de Deus a partir da realidade pastoral local, compreendendo as necessidades sociais, econômicas e de fé. A unidade como Igreja diocesana nos permite partilhar os desejos que almejamos e nos faz caminhar em prol a realização daquilo que é necessário para o crescimento na missão da igreja.

 

Por fim, rogamos a Maria, a mãe da Assunção e das vocações, para que continue intercedendo por nós e pela Diocese, a fim de que possamos caminhar sempre perseverantes no serviço ao Reino de Deus, seguindo os passos do Teu Filho Jesus.  

 

Jales, 27 de agosto de 2020.

 

 

Ouça a entrevista

imagem

Hospital de Amor Jales esclarece meios de doação

thumbnail

O Hospital de Amor Jales tem recebido inúmeras denúncias de que há na cidade um indivíduo recebendo doações em nome da instituição de forma indevida, com pedidos feitos de porta em porta.

Lar dos Velhinhos de Jales inicia o Desafio Solidário

thumbnail

Com o intuito de incentivar a prática esportiva, mesmo durante o período da pandemia, o Lar dos Velhinhos São Vicente de Paulo resolveu realizar o Desafio Solidário.