Terça-Feira, 21 de Maio de 2019 às 09:25

Santa Fé do Sul - Nova reunião pode encerrar paralisação dos médicos da Santa Casa

Desde sexta-feira, 17 de maio, os atendimentos na unidade foram diminuídos pelos médicos que buscam um aumento no valor da hora paga por plantão.

thumbnail

A paralisação por parte dos médicos da Santa Casa de Santa Fé do Sul pode ser encerrada ainda nesta terça-feira, 21 de maio. Uma reunião promovida na segunda-feira, 20 de maio, apresentou novas propostas que ainda não foram divulgadas, mas podem por fim ao movimento.

A possibilidade de se encerrar com a paralisação foi divulgada pelo site informamais após a reunião que contou com a participação de médicos juntamente com profissionais do hospital, diretores, prefeitos e assessores.

Os médicos exigem que os hospitais elevem a hora médica para R$119,00. Inicialmente a prefeitura de Santa Fé do Sul se dispôs a elevar o valor em R$ 90,00, o que não agradou.

Perante a recusa dos médicos, o hospital convocou a imprensa para informar que a decisão dos médicos era de paralisar o atendimento na Santa Casa, enquanto não se chegar a um denominador comum. Na entrevista coletiva, os diretores da Santa Casa afirmaram que iriam buscar apoio dos demais prefeitos da região para apresentar uma nova contraproposta de R$ 100,00 e para isso iria solicitar aos municípios o repasse de mais R$ 30 mil para oficializar tal oferta aos médicos.

Os efeitos dessa paralisação já atingiram a Unidade de Pronto Atendimento (UPA-24h) de Santa Fé do Sul, que vem sofrendo com superlotação.  Durante o final de semana a equipe da UPA-24h solicitou junto a Santa Casa, que enviassem camas e macas para que se pudesse suportar o atendimento.

Em alguns casos onde a internação foi necessária, como gestantes, pessoas que apresentaram sinais de infarto do miocárdio, os pacientes foram levados para hospitais da região.

 Mais informações de Jales e Região você confere em www.radioassuncao.com.br

imagem

Jales - Ex-prefeita Nice é condenada pela quinta vez

thumbnail

O caso envolve a compra de uniformes escolares em 2013.

Procurado que usava nome falso em Jales é descoberto pela polícia

thumbnail

Ele estava sendo "procurado" pela Justiça por ter cometido um roubo qualificado na cidade de Mauá no ano de 2001.