Quarta-Feira, 11 de Março de 2020 às 17:51

Santa Fé do Sul - Justiça determina apreensão de aluno que ameaçava terror em escola

Jovem foi apreendido pela Polícia Militar e ficará internado por tempo indeterminado.

thumbnail

O suspeito de ameaçar de promover um ato de terror em escolada pública em Santa Fé do Sul já foi apreendido, a pedido da Vara da Infância e Juventude da Comarca da mesma cidade. Durante a apreensão, a Polícia Militar não encontrou nenhuma arma na residência do suspeito.

O caso se tornou público na manhã desta quarta-feira, 11 de março, após a veiculação de um áudio de uma funcionária da Escola Municipal Agnes Rondon Ribeiro, demonstrando enorme preocupação diante das frequentes denúncias de que um ex-aluno planejava cometer um ato de terror como o que ocorreu na cidade de Suzano em 2019.

No dia 13 de março do ano passado ano um adolescente e um homem encapuzados atacaram a Escola Estadual Raul Brasil, em Suzano (SP), e mataram sete pessoas, sendo cinco alunos e duas funcionárias do colégio. Em seguida, um dos assassinos atirou no comparsa e, então, se suicidou. Pouco antes do massacre, a dupla havia matado o proprietário de uma loja da região da escola.

Na rede social, o então aluno da Escola Agnes de Santa Fé do Sul, que vem proferindo as ameaças, utiliza o sobrenome de um dos autores do atentado na escola de Suzano: Taucci.

Segundo a Secretaria Municipal de Educação o início das ameaças se deu em janeiro deste ano, e imediatamente foram adotadas as medidas cautelares junto ao Conselho Tutelar, pela Rede Municipal de Proteção aos direitos da criança e adolescente e o caso foi encaminhado à Policia Civil que abriu inquérito e posteriormente encaminhou as conclusões ao Ministério Público que pediu à Justiça a proibição do acesso, frequência e aproximação do aluno na Unidade Escolar.

Após ter acompanhamento psiquiátrico, o aluno foi afastado da escola para tratamento médico durante dois meses. A família do aluno também foi monitorada pelo poder públicos.

Até o presente momento o jovem não estava frequentando nenhuma escola do município e de acordo com a decisão da Justiça, nesta tarde, ele permanecerá internado por tempo indeterminado.


Com informações de Informa Mais - Foto: Divulgação.

Mais informações de Jales e Região você confere em www.radioassuncao.com.br

imagem

Homem de 26 anos é o primeiro caso confirmado de coronavírus em Jales

thumbnail

O paciente passa bem. Estamos aguardando confirmação do Instituto Adolfo Lutz.

Fernandópolis confirma segundo caso de coronavírus

thumbnail

Prefeitura informou que a paciente é esposa do homem de 55 anos, que foi o primeiro caso confirmado na cidade.