Terça-Feira, 15 de Maio de 2018 às 10:04

Santa Fé do Sul - Começa o maior evento da piscicultura nacional, Aquishow Brasil 2018

Abertura será as 9h no Complexo Turístico e Cultural "Roberto Valle Rolemberg"

thumbnail

Nesta terça-feira,15 de maio a Estância Turística de Santa Fé do Sul começa a respirar a Edição 2018 do Aquishow Brasil, evento de pesca e aquicultura que reunirá todos os elos envolvidos na produção da piscicultura nacional para discutir assuntos relacionados a atividade. O evento vai até o dia 18 de maio e acontece no Complexo Turístico, Cultural e Histórico Roberto Rollemberg, localizado na Avenida Waldemar Lopes Ferraz. O início está marcado a partir das 9h30m, e seguirá na quarta-feira e quinta-feira a partir das 9h00m com palestras e visitas aos stands e sexta-feira a partir das 8h00m com visita em propriedades aquícolas.

A responsabilidade da realização do evento é da Peixe SP – Associação de Piscicultores em Águas Paulistas e da União, Prefeitura Municipal de Santa Fé do Sul, Representantes da CATI, da APTA, do Instituto de Pesca, do Cimdespi, e de empresas envolvidas na produção e comercialização de peixes na região. O Presidente é Emerson Esteves e a Secretária Executiva é Marilsa Fernandes.

Confirmou presenças na abertura do evento o Secretário de Estado da Agricultura Francisco Jardim além de deputados da Região: Itamar Borges, Carlão Pignatari e Fausto Pinato.

Pisicultura em Santa Fé do Sul

A piscicultura é uma atividade em ascensão em Santa Fé do Sul e região, que já produz cerca de 30 mil toneladas por ano de peixe em sistema de aquicultura, e ocupa o 1° lugar no Brasil em criação de peixe em tanque rede.

A Estância Turística de Santa Fé do Sul (SP) está numa região muito bem localizada em relação aos polos produtores de matérias primas utilizadas na fabricação de rações, laboratórios de produção de alevinos e produtores dos diversos insumos necessários para o desenvolvimento da atividade. A demarcação das áreas do Parque Aquícola do Reservatório da UHE Ilha Solteira, a instalação das Unidades Demonstrativas de Piscicultura em Tanques-rede e a implantação de diversos empreendimentos da iniciativa privada na região (laboratórios de produção de alevinos, unidades de engorda, fábricas de ração e abatedouros) são algumas das conquistas obtidas até o presente momento com a piscicultura que tem gerando mais de três mil empregos na região.

O Prefeito Ademir Maschio, destaca a importância do Aquishow como instrumento de  fomento do desenvolvimento econômico do munícipio, além de apresentar novas práticas de produção, implementos e tecnologias. 

Aquishow Brasil 2018

Neste ano o AQUISHOW Brasil 2018 receberá 106 expositores de várias regiões do Brasil e são aguardados cerca de quatro mil visitantes no evento em local com área de três mil metros quadrados de cobertura no galpão totalmente climatizado (Poloclima).

O artista Plástico santafessulense Zeca Duran reproduziu um exemplar de uma Tilápia de 11 mil kg em concreto que está exposto na entrada do Recinto do Evento. A obra de arte foi construída a pedido dops diretores do Grupo Ambar Amaral de Santa Fé do Sul, uma das grandes empresas presentes no Evento. A Tilápia representa o maior crescimento da produção de pescados do Brasil em 2017 e Santa Fé do Sul e o Ambar Amaral é considerado um dos maiores produtores do país e possui a cadeia completa da produção de peixe para abate até a industrialização e produção de rações. 
A obra de arte de Zeca Duran demorou quatro meses para ser construída e mede 5,60 x 3x80

Histórico Aquishow

O evento que promove o encontro dos vários segmentos da cadeia produtiva, através de seminário, mostra de produtos, encontro de negócios e integração entre piscicultores, técnicos, fornecedores, consumidores e trabalhadores nos seus primeiros anos aconteceram nos meses de outubro, novembro e agosto dos anos de 2009, 2010, 2012, 2013, 2014 e 2015, respectivamente

Em 2003, Santa Fé sediou o 1º Seminário de Piscicultura e da Pesca do Noroeste Paulista, no dia 16 de outubro daquele ano foi realizado pela primeira vez, com a participação de cerca de 600 pessoas, entre técnicos, lideranças e produtores da região e do Brasil todo. Foi o ponto de partida para a elaboração do Projeto Piloto de Desenvolvimento Sustentável da Cadeia Produtiva da Piscicultura da Região dos Grandes Lagos, tendo como gestor o Cimdespi – Consórcio Intermunicipal para o Desenvolvimento Sustentável da Piscicultura da Região de Santa Fé do Sul.

O Aquishow foi uma iniciativa do Cimdespi – Consórcio Intermunicipal da Região, da Prefeitura da Estância Turística de Santa Fé do Sul, da CATI Regional de Jales, da Apta e Instituto de Pesca, entre outros parceiros e sempre contou com o apoio das empresas envolvidas em toda a cadeia produtiva sempre com tem como objetivo reunir representantes dos vários segmentos da cadeia produtiva da Piscicultura para discutir os mais diversos assuntos ligados a ela, garantindo seu desenvolvimento sustentável, apresentar novas técnicas, bem como ampliar as alternativas para a atividade, trocar experiências entre profissionais, trazer informações do Poder Público para a cadeia produtiva de forma direta e aberta e propiciar novas oportunidades de negócios para empresas e produtores envolvidos na atividade.

O público alvo são piscicultores, produtores rurais, agricultores familiares, investidores, técnicos, estudantes de graduação e pós-graduação em ciências agrárias interessados em ampliar conhecimentos na produção de peixes, com foco na produção em tanques redes.  Através de palestras dos principais cientistas das instituições de pesquisa e universidades do País, o evento tem como objetivo central mostrar a importância da utilização da técnica tanque rede em três aspectos: econômico, ambiental e social. Entre outras ações, pretende contribuir para a melhoria e ampliação da produção e a comercialização do pescado produzido em tanque-rede e potencializar as ações coletivas locais e a atividade como fator de desenvolvimento regional, de emprego e renda, além de exposição dos vários produtos e serviços existentes no mercado e a realização de rodada de negócios entre fornecedores, produtores e compradores.

Crédito Para Piscicultura

O Banco Credicitrus estará com uma unidade móvel instalada no evento, e segundo Emerson Esteves o agente financeiro abrirá R$20 milhões de crédito especial para o setor durante o Aquishow Brasil para os produtores de pescados que estarão participando do Aquishow Brasil e o Sebrae irá promover uma rodada de negócios no período de 15 a 18 de maio.

Um espaço institucional também será montado, com a presença de representantes da ANA (Agência Nacional de Águas), Instituto de Pesca do Estado de São Paulo, APTA (Agência Paulista de Tecnologia dos Agronegócios), CATI (Coordenadoria de Assistência Técnica Integral – SP), SEBRAE, entre outros órgãos que estarão disponíveis para informar e sanar dúvidas dos produtores.

Seguro Aquícola

SEGURO AQUÍCOLA: TRANQUILIDADE PARA A PRODUÇÃO DE PEIXES – PAULO KELLY – Será um dos temas que serão tratados nas palestras do Aquishow Brasil 2018 (Formação em Direito com atuação em Contenciosos em contra comércio (counter trade) – Ministério das Relações Exteriores, Brasília(DF), e Administração de Contratos Internacionais Públicos e Privados, com experiência na utilização das Leis de Cooperação Internacional. Trabalhou em empresas multinacionais como:  Internacional Technological Services, I.T.S., Rio de Janeiro/BRA e Milão/ITA. Atou como Consultor e Diretor de Energia, Panda Energy Internacional, Dallas, Texas - USA. I.T.S.- Foi Diretor Comercial da PWS do Brasil Corretora de Resseguros. Atualmente no THB Group. Atuando no Desenvolvimento e Implementação do Seguro Aquícola no Brasil)

Produção de Tilápia em Crescimento (PeixeBr)

Atualmente, depois do Paraná (105.392 t), São Paulo (66.101 t), Santa Catarina (32.930 t), Minas Gerais (27.579 t) e Bahia (22.220 t) são os maiores produtores deste peixe, somando 260.830 t, ou 64,9% da produção total de tilápias no Brasil,  já é o peixe cuja produção que mais cresce no mundo, graças à sua rusticidade, precocidade, prolificidade, sabor agradável, ausência de espinhas nos músculos, entre outras características; por isso há, para a piscicultura brasileira, uma oportunidade enorme a ser explorada.

Segundo a Secretaria de Comércio Exterior e Serviços do MDIC, o Brasil exportou US$ 150 milhões em pescados em 2017, sendo apenas US$ 4,4 milhões referentes à tilápia. Mais de 82% da importação norte-americana são de filés de tilápia, o que representou em 2016, US$ 478,7 milhões.

Fonte: Informa Mais 

Mais informações de Jales e Região você confere em www.radioassuncao.com.br

imagem

Jales - Ricardo Junqueira, acusa vereador Tiago Abra de ser contra a contratação de nova empresa para auxiliar a administração

thumbnail

O Auditor fiscal da Prefeitura de Jales que se encontra em período de férias, era também o Controlador Interno das finanças da municipalidade

Ação nas redes sociais alerta sobre as condutas proibidas a agentes públicos no período eleitoral

thumbnail

Posts nos perfis oficiais do MPF vão esclarecer o que pode e o que não pode ser feito por pessoas que trabalham em órgãos públicos