Segunda-Feira, 18 de Maio de 2020 às 16:41

Prefeitura e Sabesp firmam parceria para projeto de perfuração do Poção III que vai custar R$ 7 milhões

Uma obra histórica que vai garantir o abastecimento de água para Jales, Urânia e Santa Salete para os próximos vinte anos.

thumbnail

A Sabesp, empresa responsável pelo sistema de abastecimento de água e coleta de esgoto de Jales, anunciou que já tem projeto pronto e vai investir cerca de R$ 7 milhões para a perfuração do Poção III, no Aquífero Guarani, que já possui localização prevista na Bacia Turvo/Grande, entre Jales e Urânia. A Prefeitura de Jales vai apoiar o projeto, segundo informou o prefeito Flávio Prandi Franco, o Flá, que se reuniu com o superintendente da Sabesp, Antônio Rodrigues da Grela Filho, o Dalua e o gerente regional da companhia, Gilmar Rodrigues de Jesus, na quinta-feira, dia 07 de maio.

Também foi anunciada a construção de um reservatório com capacidade para um milhão de litros na área do CR2, na Marginal Ayrton Senna, no Distrito Industrial III. Somando às obras complementares que prevê construção de bases, instalações hidráulicas e elétricas, o projeto vai custar cerca de R$ 1.500.000,00. Ou seja, nos dois projetos a Sabesp vai investir cerca de R$ 8.5 milhões.

Para a construção do Poção III no Aquífero Guarani a Sabesp solicitou apoio da Prefeitura para viabilizar a área escolhida. Dalua e Gilmar apresentaram o projeto desenvolvido ao prefeito Flá, sugeriram a área para a construção e pediram para que o chefe do Poder Executivo interceda para viabilizar a declaração de utilidade pública. “Sem essa viabilização não conseguimos licenciar e licitar a obra. Precisamos que a área esteja disponível para o projeto sair do papel”, ressaltou Gilmar.

O Poção terá profundidade de 1.400 metros e expectativa de vazão de 300 mil litros por hora. As obras complementares incluem um reservatório com capacidade para 500 mil litros, três torres de resfriamento, duas estações elevatórias de água, automação, edutor, bombas, instalações hidráulicas e elétricas. O valor total do Poção chega a R$ 7 milhões.

O prefeito Flá ressaltou que a Prefeitura de Jales vai apoiar o projeto e trabalhar, desde já, para garantir a viabilização da área solicitada pela Sabesp. “Temos que parabenizar a Sabesp, em nome do Dalua e do Gilmar, por um projeto dessa grandeza e que vai garantir água pelos próximos vinte anos para as populações de Jales, Urânia e Santa Salete, com investimentos na ordem de R$ 7 milhões para a construção do Poção III, garantindo, acima de tudo, saúde e qualidade de vida para as pessoas. A Sabesp distribui água potável para 100% da área urbana de Jales, coleta e trata 100%esgotos gerados em nossa área urbana. Por todos esses e outros motivos, não podemos nunca deixar de apoiar uma empresa que investe constantemente em melhorias e benfeitorias em prol de nossa gente”.

Segundo o gerente divisional Gilmar, cerca de 90% de toda a água que abastece a população de Jales atualmente é retirada do aquífero Guarani, considerado a segunda maior caixa d´água subterrânea do planeta. Apesar da dimensão, devido à sua superexploração, o aquífero já apresenta sinais de rebaixamento, o que preocupa os técnicos.

“Temos percebido um rebaixamento do aquífero ao longo dos últimos anos. Muitas vezes é necessário rebaixar o edutor para captar água em maior profundidade. Nas regiões onde aflora o Aquífero Guarani, casos de Ribeirão Preto e Botocatu, os poços antes captavam água em pequena profundidade e hoje já há necessidade decaptar água entre 100 e 150 metros”, apontou Gilmar.

O Departamento de Água e Energia Elétrica do Estado de São Paulo já promove o monitoramento do aquífero e a Organização das Nações Unidas tem disponibilizado recursos para estudos e monitoramento com objetivo de proteger o aquífero e controlar a superexploração.

De acordo com o gerente regional da Sabesp, apesar de o nível estar rebaixando, o sistema de abastecimento de água em Jales consegue manter a vazão suficiente para atender toda a demanda de consumo atual.

“Estas serão obras de extrema importância para continuar garantindo regularidade doabastecimento de água. Ficamos muito satisfeitos em poder ouvir do prefeito Flá que teremos o apoio necessário para a viabilização da área onde será perfurado o Poção III. Ele sempre nos atende de prontidão e dessa vez não foi diferente”, finalizou Gilmar.

Com informações da Secretaria de Comunicação.

Mais informações de Jales e Região você confere em www.radioassuncao.com.br

imagem

Jales contabiliza duas novas mortes por Covid-19 e total sobe para 58

thumbnail

A Vigilância Epidemiológica de Jales registrou em 24 horas novas 33 notificações suspeitas para o novo coronavírus (Covid-19).

ACIJ lança promoção de fim de ano: “Já é natal”

thumbnail

Promoção vai sortear R$ 20 mil em vale-compras e começa a valer no dia 16 de novembro; comerciantes já podem adquirir cupons