Terça-Feira, 24 de Março de 2020 às 19:24

Prefeitura de Paranapuã adota medidas de combate ao coronavírus

Entre as medidas está a suspensão das aulas em todas as creches e escolas da rede pública municipal de ensino. Estão suspensas as atividades do programa direcionados a terceira idade, cursos, oficinas, projetos sociais, eventos esportivos e outros.

thumbnail

O Governo Municipal de Paranapuã (SP), através do Prefeito Sergio Antonio Polarini, no uso de suas atribuições legais assinou na manhã da quarta-feira (18), o decreto 2.781 que determina medidas e procedimentos temporários a serem adotados para prevenção ao novo coronavírus (Covid-19) no município de Paranapuã.

Entre as medidas está a suspensão, a partir de segunda-feira (23), das aulas em todas as creches e escolas da rede pública municipal de ensino. Também estão suspensas as atividades dos programas direcionados a terceira idade, cursos, oficinas, projetos sociais, eventos esportivos e outro de qualquer natureza do poder público ou que contem aglomeração de pessoas. A suspensão é por tempo de 30 dias podendo ser prorrogado por tempo indeterminado e as escolas e creches estão fechadas.

No âmbito do setor privado fica recomendada a adoção de medidas preventivas de contagio pelo Covid-19. Sendo neste caso o setor privado no Município de Paranapuã, já tomaram consciência da proporção da Pandemia e estão permanecendo com seus estabelecimentos fechados por tempo indeterminado, até que a situação se normalize.

Segundo RECOMENDAÇÃO ADMINISTRATIVA PAA nº 62.0311.0000494/2020-1 - Ministério Público do Estado de São Paulo- A edição de atos em caráter urgente e emergencial que estabeleça aos estabelecimentos comerciais privados cujas atividades não foram suspensas, especialmente hipermercados, supermercados e mercados a adotarem as seguintes medidas (I) priorizar o atendimento via canais eletrônicos (comércio on-line) com regime de entrega em residência (II) disponibilizar equipamentos de proteção (luvas, álcool em gel e máscaras (para os funcionários com manifestação de sintomas) (III) afastar imediatamente, respeitadas as normas trabalhistas, funcionário que apresente sintomas relacionados à COVID-19 (IV) estabelecer rotina de atendimento individualizado a clientes com idade superior a 60 (sessenta anos) evitando movimentação de tais pessoas (grupo de risco) no interior dos estabelecimentos comerciais.

Durante o anúncio das medidas, a secretária da Saúde no município, informa que no Município NÃO há casos positivos ou até mesmo de suspeita da Covid-19.

As medidas adotadas pelo decreto do Executivo consideraram, principalmente, o estado de pandemia definido pela Organização Mundial da Saúde (OMS) em todo o mundo e a possibilidade apresentada pelo Ministério da Saúde juntamente com Ministério Público do Estado de São Paulo que aponta tendência de progressão geométrica da expansão do número de casos do vírus no Brasil. Com base nas informações do Ministério da Saúde, ressaltamos, que, “nas próximas semanas, os casos suspeitos devem aumentar no país, considerando a transmissão comunitária autóctone, ou seja, de brasileiro para brasileiro”. Para tanto as recomendações são necessárias para evitar ao máximo a circulação desnecessária das pessoas no momento em que a prevenção é o melhor remédio. O principal a se fazer é intensificar as medidas de higiene e precaução, além da colaboração de todos.  

Com informações da Prefeitura de Paranapuã.

Mais informações de Jales e Região você confere em www.radioassuncao.com.br

imagem

Homem de 26 anos é o primeiro caso confirmado de coronavírus em Jales

thumbnail

O paciente passa bem. Estamos aguardando confirmação do Instituto Adolfo Lutz.

Fernandópolis confirma segundo caso de coronavírus

thumbnail

Prefeitura informou que a paciente é esposa do homem de 55 anos, que foi o primeiro caso confirmado na cidade.