Quarta-Feira, 06 de Março de 2024 às 07:33

PF de jales reprime abuso e exploração sexual infantojuvenil pela internet

A Polícia Federal deflagrou ontem(05/03), a Operação Eurus, para reprimir a prática de crimes de abuso e exploração sexual infantojuvenil pela internet. Foi cumprido um mandado de busca e apreensão expedido pela Justiça Federal de Jales

thumbnail

Policiais federais cumpriram, na cidade de Parisi/SP, mandado de busca e apreensão expedido pela Justiça Federal de Jales/SP, com o objetivo de apreender celulares, computadores e mídias com arquivos de informática que possam conter vídeos e/ou imagens armazenados ou que foram disponibilizados na internet, relacionados à prática de crimes de exploração e abuso sexual infantojuvenil, além de outros elementos de prova.

Os policiais apreenderam, na residência do investigado, um celular, o qual será encaminhado ao setor técnico-científico para a realização de perícia.

A operação foi batizada de Eurus em alusão a um dos grupos utilizados para a troca do material de abuso sexual infantojuvenil.

Além de investigações deste tipo, advindas de outras fontes, a Polícia Federal vem desenvolvendo também uma operação permanente chamada “Anjo Dourado”, dedicada exclusivamente à repressão de crimes de abuso sexual infantil praticados por meio da internet, efetuando um monitoramento constante da eventual prática destes crimes e já tendo realizado diversas operações e prisões em flagrante em virtude disso.


imagem

Governo propõe salário mínimo de R$ 1.502 em 2025

thumbnail

Reajuste segue previsão de 3,25% do INPC mais alta de 2,9% do PIB

Iniciada reforma e adequação do Centro Municipal de Reabilitação de Jales

thumbnail

A obra receberá investimentos no valor de R$ 396.197,70.