Segunda-Feira, 25 de Fevereiro de 2019 às 15:48

Papa Francisco - Esforço conjunto para combater grave flagelo da violência contra menores

Queremos que todas as atividades e lugares da Igreja sejam sempre totalmente seguros para menores

thumbnail

"Desta forma, saberemos colaborar com todo o nosso coração e com eficácia, juntamente com todas as pessoas de boa vontade e todos os componentes e as forças positivas da sociedade, em todos os países e em nível internacional, para que se combata até o fim, de todas as formas, o grave flagelo da violência contra centenas de milhões de menores, crianças, meninas e meninos, em todo o mundo", foi a exortação do Papa no Angelus

Após rezar o Angelus com os peregrinos reunidos na Praça São Pedro, o Papa Francisco falou do Encontro concluído neste domingo no Vaticano, em que patriarcas, presidentes de todas as Conferências Episcopais, líderes das Igrejas Orientais Católicas, representantes dos Superiores das Congregações religiosas e vários dos seus colaboradores da Cúria Romana, trataram do tema da proteção dos menores:

 “Como vocês sabem, o problema dos abusos sexuais contra menores por parte de membros do clero, suscitou há tempos grave escândalo na Igreja e na opinião pública, quer pelos dramáticos  sofrimentos das vítimas, quer pela injustificável negligência em relação a eles e o acobertamento dos culpados por parte de pessoas responsáveis ​​na Igreja.

Como é um problema difundido em todos os continentes, eu queria que tratássemos sobre ele em conjunto, de maneira corresponsável e colegiada, nós pastores das Comunidades católicas de todo o mundo. Ouvimos a voz das vítimas, rezamos e pedimos perdão a Deus e às pessoas ofendidas, tomamos consciência de nossas responsabilidades, de nosso dever de fazer justiça, na verdade, de rejeitar radicalmente todas as formas de abuso de poder, de consciência e sexual.

Queremos que todas as atividades e lugares da Igreja sejam sempre totalmente seguros para menores; que sejam tomadas todas as medidas possíveis para que crimes semelhantes não se repitam; que a Igreja volte a ser absolutamente credível e confiável em sua missão de serviço e educação para os pequenos, de acordo com o ensinamento de Jesus.

Desta forma, saberemos colaborar com todo o nosso coração e com eficácia, juntamente com todas as pessoas de boa vontade e todos os componentes e as forças positivas da sociedade, em todos os países e em nível internacional, para que se combata até o fim, de todas as formas, o grave flagelo da violência contra centenas de milhões de menores, crianças, meninas e meninos, em todo o mundo".

Fonte: Vatican News.

Mais informações de Jales e Região você confere em www.radioassuncao.com.br

Ouça a entrevista

imagem

Papa Francisco aos agentes de saúde: a humanidade de Cristo é a maior escola

thumbnail

“A cura não passa apenas pelo corpo, mas também pelo espírito, pela capacidade de reencontrar confiança e de reagir”, recorda o Papa Francisco ao receber a Associação Católica de Agentes de Saúde

Suspeitos de matar idosa a tiros dentro da casa dela são presos em Santa Albertina

thumbnail

Crime aconteceu em abril e idosa foi baleada no corredor da casa. Segundo a polícia, eles tentaram roubar as joias da mulher.