Segunda-Feira, 15 de Junho de 2020 às 18:36

Macetão questiona Prefeitura sobre castrações pelo centro de zoonoses

O vereador Luiz Henrique Viotto – Macetão, em Sessão Ordinária (8), apresentou um requerimento questionando se a Prefeitura tem fornecido os materiais necessários para o funcionamento do centro de zoonoses municipal.

thumbnail

Macetão justificou que há muitas solicitações dos munícipes sobre o serviço de castração de cães e gatos, pois algumas pessoas não têm condições financeiras de pagar pelo procedimento. A castração tem como objetivo controlar a população animal, diminuir o abandono e crueldade e preservar a saúde pública.

O vereador comentou o requerimento: “A situação é triste. Desde setembro fizeram solicitação para medicamentos, já estamos em junho. No dia que eu fui lá não tinha nada”.

O vereador Tiago Abra falou sobre a propositura: “Foi aprovado, na semana passada, um projeto no valor de R$ 78 mil, que contempla a manutenção preventiva das unidades de saúde e castração animal. Eu reiterei o pedido de informações para saber de que forma esse dinheiro vai ser usado”.

O vereador indagou se o centro de zoonoses está castrando os animais gratuitamente, qual a capacidade mensal de castração, quais critérios adotados para que um animal seja atendido pelo centro de zoonoses, entre outras questões.

O requerimento foi aprovado por unanimidade e encaminhado ao Poder Executivo, que tem até 15 dias úteis para enviar resposta ao Legislativo. Todos os requerimentos e suas respostas ficam disponíveis ao público no site da Câmara Municipal (www.jales.sp.leg.br).

Com informações da Assessoria de Imprensa.

Mais informações de Jales e Região você confere em www.radioassuncao.com.br

imagem

OPORTUNIDADES DE EMPREGO: 02 DE AGOSTO DE 2021

thumbnail

O Jornal do Povo da Rádio Assunção FM apresenta oportunidades de emprego para Jales e Santa Fé do Sul.

Turismo Rural: Temporada 2021 já começou em Urânia

thumbnail

Além de movimentar a cidade e região, o turismo contribui também na geração de novos empregos no município. Com expectativa no aumento da produção relacionada a outros anos, muitas propriedades expandiram a plantação.