Segunda-Feira, 06 de Agosto de 2018 às 20:15

Jales - Projeto Corpo e Mente em Movimento recebe carro da Polícia Federal

O veículo Fiat/Palio foi entregue por meio do programa da Secretaria Nacional de Políticas sobre Drogas (SENAD), após ser aprendido durante uma operação

thumbnail

O Projeto Corpo e Mente em Movimento que tem como mantenedora a Sociedade Assistencial e cultural da Região da Alta Araraquarense (SACRA), recebeu na tarde última sexta-feira, 03 de agosto, um veículo Fiat/Palio, modelo 2015, fruto de uma apreensão de combate ao tráfico de drogas na região de Jales, promovida pela Polícia Federal.

A ação ocorre por meio da Secretaria Nacional de Políticas sobre Drogas (SENAD), que prevê a entrega deste tipo de veículo para entidades que prestam serviços específicos. A direção do Projeto Corpo e Mente em Movimento optou por usar o veículo para as visitas domiciliares às famílias das crianças e adolescentes acompanhados pelo Serviço de Convivência e Fortalecimentos de Vínculos.

A entrega do veículo é permitida pela lei de combate ao tráfico de drogas, que dispõe sobre a possibilidade do uso dos carros aprendidos em operação. Para que isso ocorra é necessária uma autorização judicial, para os órgãos policiais voltados à repressão ao tráfico de drogas, quanto para entidades dedicadas ao tratamento e prevenção ao uso de entorpecentes.

Participaram da entrega na sede da polícia Federal em Jales, o Escrivão Leandro Nicolini, que representou as autoridades policiais, bem como o vice-presidente da SACRA, Padre Antônio de Jesus Sardinha, o vice-presidente do Projeto Corpo e Mente em Movimento, Nilton da Silva Navarro e a assistente social e coordenadora pedagógica do Projeto, Cléia Dias e Elizangela Antunes.

PROJETO

O Projeto é um exemplo de compromisso com a sociedade e responsabilidade social, o projeto Corpo e Mente em Movimento, tem como sua mantenedora a SACRA (Sociedade Assistencial e Cultural da Região da Alta Araraquarense). As belíssimas ações começaram em 1999, com a iniciativa da Paróquia São José Operário, no bairro São Judas Tadeu, desenvolvendo atividades e trabalhos manuais como artesanato e atividades físicas, com um pequeno número de 16 crianças e adolescentes, somente no período da tarde, monitorados por voluntários.

Atualmente existe uma nova dimensão do projeto que atendendo 50 crianças, entre 06 á 15 anos, nos períodos de contra turno escolar, independente de nacionalidade, sexo, raça, cor, crença religiosa, recebendo integrantes de diversos bairros vizinhos, os quais apresentam um perfil sócio-econômico com carência financeira e psico-social, que demandam deste apoio para um bom desenvolvimento.

Todas as atividades são desenvolvidas pelos colaboradores e voluntários do projeto, que é constituído por tempo indeterminado sem fins lucrativos, de caráter filantrópico, assistencial, promocional, recreativo, educacional, sem cunho político e partidário.

No período em que estão no projeto as crianças e adolescentes, recebem as refeições completas, participam ainda de diversas atividades socioeducativas, artesanatos, esportivas, informática, aluas de karatê, entre outras que possibilitam o desenvolvimento intelectual, físico, cultural e social.

A população tem se mostrado solidária ao longo dos últimos anos e somente com o compromisso de todas as atividades estão asseguradas.

Mais informações de Jales e Região você confere em www.radioassuncao.com.br

imagem

Jales - Adolescente é flagrado com "maconha" nas proximidades de escola

thumbnail

O menor, acompanhado de conselheiros tutelares, foi encaminhado à Central de Polícia, onde foi ouvido e liberado ao seu genitor.

Homem é flagrado portando espingarda artesanal em Jales

thumbnail

Os policiais encontraram um cartucho de espingarada calibre .16 no bolso do passageiro e uma espingarada de fabricação caseira no porta malas do carro.