Quarta-Feira, 04 de Setembro de 2019 às 16:17

Jales - Câmara aprova as contas da Prefeitura de 2015

O parecer do Tribunal de Contas foi rejeitado por unanimidade.

thumbnail

Na última Sessão Ordinária (2), a Câmara rejeitou o Projeto de Decreto Legislativo 4/2019 que continha o parecer do Tribunal de Contas do Estado de São Paulo (TCE-SP), desfavorável à aprovação das contas da Prefeitura, do exercício de 2015, dos ex-prefeitos Pedro Callado e Nice Mistilides.

O Tribunal de Contas emitiu parecer desfavorável às contas dos ex-prefeitos, no Processo TC nº 002182/026/15, referente à prestação de contas e ao Balanço Geral do exercício de 2015 da Prefeitura Municipal de Jales.

O vereador Nivaldo Batista – Tiquinho (PSD) assumiu por quinze dias, em 2015, o cargo de prefeito, por isso, de acordo com o Regimento Interno da Casa, ele estava impedido de votar o Projeto de Decreto Legislativo. Devido à incompatibilidade do primeiro suplente para assumir o mandato, a segunda suplente JocéliaCabrini, (coligação DEM-PSD-PRB) foi convocada para a deliberação.

O parecer do Tribunal de Contas foi rejeitado por unanimidade. O parecer do TCE-SP, o processo e seus anexos serão encaminhados ao Ministério Público, conforme determina o Regimento Interno.

Com informações da Assessoria de Imprensa.

Mais informações de Jales e Região você confere em www.radioassuncao.com.br

imagem

Caixa lançará na terça aplicativo para cadastro em renda emergencial

thumbnail

Calendário de pagamento será divulgado na próxima semana

Urânia tem 326 casos de dengue confirmados em 2020

thumbnail

Chama atenção o fato de todos os casos terem ocorrido dentro dos limites municipais, ou seja, em nenhuma ocorrência o vírus foi contraído fora da cidade e notificado em Urânia