Quinta-Feira, 14 de Março de 2019 às 16:57

CEI ouve duas testemunhas sobre Farra no Tesouro

A Comissão iniciou seus trabalhos no dia 23 de agosto e já ouviu 24 testemunhas.

thumbnail

Na manhã de ontem (12), a Comissão Especial de Inquérito (CEI) ouviu o auditor fiscal tributário municipal e ex-controlador interno da Prefeitura, Ricardo A. Cunha Junqueira e o sócio proprietário da empresa Meta Pública Consultoria e Assessoria em Gestão Pública, Adilson Maia, sobre os desvios de verbas públicas da Prefeitura de Jales.

A CEI foi criada para apurar suspeitas de desvios de mais de R$ 5 milhões em recursos públicos da Prefeitura Municipal, descobertas após a deflagração da Operação Farra no Tesouro da Polícia Federal. A Comissão tem como membros o vereador Fábio Kazuto (PSB), presidente, Vanderley Vieira (PPS), vice-presidente, e Bismark Kuwakino (PSDB), relator.

A CEI tem duração de 90 dias e foi prorrogada por igual período no dia 21 de novembro do ano passado. A data limite para encerramento da Comissão de Inquérito é dia 6 de abril.

Fonte: Assessoria de Imprensa

Mais informações de Jales e Região você confere em www.radioassuncao.com.br

imagem

Primavera começa hoje, mas chuvas devem se fixar apenas em outubro

thumbnail

A primavera começa nesta segunda-feira (23) em todo o hemisfério sul do planeta. No Brasil, a estação é caracterizada pela chegada das chuvas.

Jales - Homem é preso com drogas pela Polícia Militar no Jardim Oiti

thumbnail

Na casa do indiciado a polícia encontrou drogas e dinheiro