Sexta-Feira, 03 de Maio de 2024 às 10:03

Atletas de Jales conquistam medalha de ouro na modalidade Coreografia nos Jogos da Melhor Idade

Os passos, a animação e o figurino foram suficientes para as dançarinas conquistarem a medalha de ouro, a primeira da 26 ª edição do JOMI 2024 e garantirem a vaga na etapa final na cidade de Itatiba no mês de junho.

thumbnail

As atletas da terceira idade de Jales conquistaram medalha de ouro na 26 ª edição do Jogos da Melhor Idade (JOMI), na modalidade Coreografia 60 a 69 anos, na noite da terça-feira, dia 30 de abril, quando aconteceu a abertura oficial do evento na cidade de Araçatuba.

A vice-prefeita Marynilda Cavenaghi, o secretário de Esportes e Juventude, Wilter Guerzoni, o diretor Renato Bigoto, o secretário de Desenvolvimento Social, Reginaldo Viota, o presidente do CIEVI, Antônio Quintela, a assessora do Fundo Social de Solidariedade, Andréa Modesto e o árbitro José Antônio de Carvalho prestigiaram a abertura oficial dos jogos que contou com a presença da secretária de Esportes do Estado de São Paulo, Coronel Helena Reis.

A apresentação da coreografia de Jales foi embalada pelo samba de Gonzaguinha “O que é, o que é”. Com passos coreografados pela professora de dança Silvia Lourenção dos Reis, a equipe não teve vergonha de ser feliz e mostrar que a vida é bonita, é bonita, é bonita na quadra da Emeb "Henny Ferraz Homem".

Os passos, a animação e o figurino foram suficientes para as dançarinas conquistarem a medalha de ouro, a primeira da 26 ª edição do JOMI 2024 e garantirem a vaga na etapa final na cidade de Itatiba no mês de junho.

O evento esportivo é voltado apenas para competidores a partir dos 60 anos e conta com a participação de delegações de 53 municípios, reunindo 2.500 atletas das regiões de Araçatuba e São José do Rio Preto.  Esta é a terceira vez que Araçatuba está sediando a competição, que engloba modalidades como atletismo, bocha, buraco, coreografia, damas, dança de salão, dominó, malha, natação, tênis, tênis de mesa, truco, voleibol adaptado e xadrez.

Segundo o secretário de Esportes e Juventude, Wilter Guerzoni, “pode-se dizer que o JOMI é a Olimpíada da melhor idade. São 2.500 pessoas, entre atletas, técnicos e dirigentes, competindo. Isso é motivo de orgulho para todos nós. Independente de medalhas, todos já são campeões por estarem aqui. Praticar esporte significa mais qualidade de vida para essas pessoas, que são exemplos para todos nós”.

A vice-prefeita Marynilda Cavenaghi também parabenizou as atletas campeãs e falou da emoção de ver as dançarinas brilhando na quadra. “Elas mostraram talento, dedicação, interação e amizade. Foi muito lindo ver a alegria de viver das nossas atletas”.

O prefeito Luis Henrique, que estava cumprindo agenda em São Paulo, também fez questão de parabenizar as atletas campeãs e todos os competidores que são orgulho para Jales. “Que eles possam continuar representando a nossa cidade que acolhe, vivendo de forma ativa e saudável e sendo exemplo para todos”.

Além da modalidade Coreografia, outras categorias conquistaram ouro de acordo com a classificação parcial, atualizada às 11h00, da quinta-feira, 02 de maio, como: Tênis de Mesa (categoria C individual masculino); Tênis de Campo (categoria B dupla masculino), Tênis de Campo (categoria B dupla feminino) e Tênis de Campo (categoria A individual feminino). Eles seguem para as fases finais dos jogos que ocorrerão de 17 a 23 de junho, na cidade de Itatiba.

Com informações da Secretaria de Comunicação.

Mais informações de Jales e Região você confere em www.radioassuncao.com.br


imagem

Alunos da E.M. Prof. Alberto Gandur participaram de palestra sobre bullying e cyberbullying

thumbnail

O evento, que faz parte do projeto escolar "Bullying não é brincadeira", teve como objetivo conscientizar as crianças sobre os impactos negativos dessas práticas tanto para as vítimas quanto para os agressores.

Jales inicia Junho Violeta com ações de conscientização e combate à violência contra idosos

thumbnail

Em 2011, a ONU estabeleceu o Dia Mundial de Conscientização da Violência contra a Pessoa Idosa em 15 de junho.