Segunda-Feira, 01 de Junho de 2020 às 07:45

A BEM-AVENTURADA VIRGEM MARIA, MÃE DA IGREJA, NOS 60 ANOS DA DIOCESE DE JALES

Que Maria interceda, também, neste Ano Jubilar Diocesano, por graças especiais para continuarmos defendendo integralmente a vida e“crescendo em direção a Cristo” (cf. Ef 4,15).

thumbnail

Queridos irmãos, queridas irmãs.

Celebramos, hoje, a Bem-aventurada Virgem Maria, Mãe da Igreja. Esse título lhe foi dado pelo Papa Francisco em 2018, por meio de um decreto que considera Maria como mãe de Cristo, portanto, mãe do corpo de Cristo, que é a Igreja. Nós, diocesanos de Jales, a amamos como mãe, de modo especial por tê-la como padroeira, sob o título de Nossa Senhora da Assunção. Ao celebrá-la, hoje, como Mãe da Igreja, inspiramo-nos no que o Papa Francisco afirma nesse decreto sobre ela.

“A Mãe, que estava junto à cruz (cf. Jo 19,25), aceitou o testamento do amor do seu Filho e acolheu todos os homens [ou seja, todos os seres humanos], personificados no discípulo amado, como filhos a regenerar à vida divina, tornando-se a amorosa Mãe da Igreja, que Cristo gerou na cruz, dando o Espírito. Por sua vez, no discípulo amado, Cristo elegeu todos os discípulos como herdeiros do seu amor para com a Mãe, confiando-a a eles para que estes a acolhessem com amor filial.

Dedicada guia da Igreja nascente, Maria iniciou, portanto, a própria missão materna já no cenáculo, rezando com os Apóstolos na expectativa da vinda do Espírito Santo (cf. At 1,14). Ao longo dos séculos, por este modo de sentir, a piedade cristã honrou Maria com os títulos, de certo modo equivalentes, de Mãe dos discípulos, dos fiéis, dos crentes, de todos aqueles que renascem em Cristo e, também, ‘Mãe da Igreja’, como aparece nos textos dos autores espirituais, assim como nos do magistério de Bento XIV e Leão XIII.”

A Maria, portanto, nosso louvor. Em sua alegria de ser mãe de Cristo está a alegria de ser mãe da Igreja; razão, também, de nossa alegria. Dirijamo-nos a ela, suplicando que interceda junto a Deus por serenidade na vida de quem experimenta o medo e por fortaleza para quem sofre, sobretudo com a pandemia atual. Que Maria interceda, também, neste Ano Jubilar Diocesano, por graças especiais para continuarmos defendendo integralmente a vida e“crescendo em direção a Cristo” (cf. Ef 4,15).

Em comunhão no Senhor,

Dom Reginaldo Andrietta, Bispo Diocesano de Jales

Jales, 01 de junho de 2020.

Ouça a entrevista

imagem

Jales - Polícia Militar e Polícia Civil prendem três e apreendem mais de 50 kg de droga

thumbnail

Os três homens foram presos pela prática de tráfico de drogas e associação ao tráfico, além do crime de posse ilegal de arma de fogo.

Hospital de Amor Jales esclarece meios de doação

thumbnail

O Hospital de Amor Jales tem recebido inúmeras denúncias de que há na cidade um indivíduo recebendo doações em nome da instituição de forma indevida, com pedidos feitos de porta em porta.